domingo, 12 de novembro de 2017

EDEN SEED back to the Underground Club!



Estamos de volta aos palcos!

Após uma pausa pra focar na gravação do nosso CD que será lançado no início do ano que vem, voltamos com tudo aos palcos do Underground Club, com uma nova formação pra quebrar tudo!

Participaremos de um festival que começa às 20h do dia 24/11 e vai até 05h do dia 25! Subimos ao palco meia noite pra começarmos a madrugada com o pé direito.

Chamem seus amigos e venham curtir a noite ao som do bom e velho Heavy Metal \.../

Pra informações sobre os ingressos, podem falar com os membros da banda ou mandar mensagem na nossa página que a gente combina e te entregamos o ingresso!

Obs: Os ingressos devem ser adquiridos com antecedência no valor de R$15,00.

Eden Seed é:
Gisele Marie Rocha - Guitarra (https://www.facebook.com/giselemarie.rocha.5)
Matheus Manente - Baixo (https://www.facebook.com/matheus.manente)



We're back on stage!

After a break to focus on recording our CD, which will be released in early 2018, we return to the stage of the Underground Club, with a new line-up to break it all down!

We will participate in a festival that starts at 8pm on November 24th and runs until 5am on the 25th! We went on stage at midnight to start the dawn with the right foot.

Call your friends and come to enjoy the night with the good and always new Metal \ ... /

For information about the tickets, you can speak with the band members or send a message on our page that we combine and we will deliver the ticket!

Eden Seed is:
Gisele Marie Rocha - Guitar (https://www.facebook.com/giselemarie.rocha.5)

terça-feira, 7 de novembro de 2017

EDEN SEED ON BRAZILIAN TV

Making off - EDEN SEED - TV GLOBO - FANTÁSTICO

Eu escrevi um post falando sobre VoB porque bem, parece que vai haver uma reportagem da TV GLOBO sobre o VoB e sobre o EDEN SEED.

A REDE GLOBO é a maior rede de TV e agência de notícias da América Latina, e uma das maiores agências de notícias de todo o mundo, e nós do EDEN SEED nos sentimos muito honrados quando eles nos procuraram para entrevista e filmagem da banda tocando em estúdio (estúdio ROCK TOGETHER em São Paulo - Brasil).

A foto acima é do making off da matéria, e eles nos disseram que é uma reportagem para o FANTÁSTICO, tradicional programa de domingo da TV GLOBO, e um dos programas mais assistidos no Brasil todo a mais de 30 anos.

Esta é também a primeira foto de palco com o novo vocalista do EDEN SEED, LUIS HENRIQUE, que ainda não fez o seu debut em shows, e estava muito preocupado neste dia, porque justamente a primeira entrevista que ele deu na vida, foi para a TV GLOBO 😂...

Eu estou muito feliz com isto, e especialmente porque eu e a banda fomos lembrados e mencionados na reportagem, afinal sim, VoB é uma banda de garotas muçulmanas que tocam rock, mas isto acontece aqui também, no Brasil, comigo, tá bom? 😊

Ao mesmo tempo, eu estou com uma nova banda, e eu estou feliz por isto. Faz algum tempo que eu penso em ter um projeto solo, ou algo assim, e eu acho que chegou a hora de colocar isto em prática.

Já temos o primeiro ensaio marcado, e em breve teremos novidades! 😊 


I wrote a post talking about VoB because well, it looks like there will be a report from TV GLOBO about VoB and EDEN SEED.

REDE GLOBO is the largest TV network and news agency in Latin America, and one of the largest news agencies in the world, and we at EDEN SEED feel very honored when they came to us for interview and filming of the band playing in studio (ROCK TOGETHER studio in São Paulo - Brazil).

The photo above is from the making off of the story, and they told us that it is a report for FANTÁSTICO, the traditional Sunday program of TV GLOBO, and one of the most watched programs in Brazil all over 30 years.

This is also the first stage photo with the new EDEN SEED vocalist, LUIS HENRIQUE, who has not made his debut yet, and was very worried this day, because the very first interview he gave in life was for the TV GLOBO 😂 ...

I'm very happy about this, and especially because me and the band were remembered and mentioned in the report, after all, VoB is a band of muslim girls playing rock, but it happens here in Brazil, with me, okay? 😊

At the same time, I'm with a new band, and I'm happy about it. It's been a while since I've thought about having a solo project, or something, and I think it's time to put it into practice.

We already have the first rehearsal, and soon we will have news! 😊

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Congratulations VoB! Well done!


Eu quero expressar a minha admiração e respeito pelas minhas queridas irmãs no Islam. que são do VoB, porque elas são inteligentes, expertas, e sabem fazer algo que eu sempre quis fazer: APROVEITAR A CHANCE! APROVEITAR E USAR AS OPORTUNIDADES A SEU FAVOR.
Veja, VoB (Voice of Baceprot) é uma banda de metal que foi criada por três jovens garotas da Indonésia, e elas são muçulmanas, e usam o hijab, e isto foi algo que surpreendeu a todos.

Elas são bem jovens ainda, é fato. E sim, o som da banda é energético, assim como os seus concertos são fortes e capazes de envolver as pessoas que estão vendo a banda. Como musicista, e percebo que elas ainda têm muito a se desenvolver em termos de conhecimento musical, é verdade. Mas, repare na baixista da banda. Ela já mostra muito talento no seu instrumento musical. Sinta o ritmo forte da baterista da banda. E note que a guitarrista e vocalista está se desenvolvendo muito bem!

No entanto, algo aconteceu com elas que não tem nada a ver com a MÚSICA. O fato é que as pessoas olharam para elas não por sua música, mas pelo fato de que elas são muçulmanas, e usam véu islâmico! Isto as faz serem vistas como algo exótico, transgressor, desafiador, misterioso. Isto as faz serem vistas quase como uma “atração de circo”! É algo justo, certo, consciente? Não! Não é! Mas, sinceramente, E DAÍ? Isto realmente importa?

Eu penso que isto realmente não importa. O que importa, é o que elas fizeram com isto! O que realmente importa, é a resposta delas a este fato, um fato um tanto quanto estranho, e totalmente alienado do que as fez ter a banda: a música!

E é exatamente isto que acontece também comigo! E a resposta delas a esta atenção que as pessoas deram a elas, é exatamente a resposta que eu gostaria de dar! As pessoas olharam para elas por conta do véu, da religião delas, talvez da atitude. E elas aproveitaram a chance, a oportunidade, e mostraram o trabalho delas. Mostraram a que vieram. Elas viram as pessoas olharem para elas porque são três garotas muçulmanas que vestem o véu islâmico e tocam rock, e então elas tocaram de verdade, subiram nos palcos, lançaram os seus vídeos, a sua música, e fizeram as pessoas que olharam para elas conhecerem o trabalho delas.

Este é o caminho em direção à vitória, ao sucesso! Elas fizeram a parte delas, responderam da maneira certa, e estão ganhando o mundo com isto.

É interessante notar que o VoB foi lançado em 2015 na Indonésia. E é bem construtivo nós observarmos o que faz a diferença entre a capacidade de enxergar as oportunidades e aproveitá-las, o que demonstra consciência e inteligência, e a falta de capacidade de ter uma visão ampla, e realizar as coisas, fazer a sua parte, e fazer bem feito. Isto poderia incluir vários aspectos sociais, e poderia nos mostrar o que diferencia um povo que faz, daquele povo que não consegue fazer nada. Pessoas que se realizam, que constroem algo, que caminham para frente, em direção ao futuro e à conquista, de pessoas que não conseguem vencer porque não se movem de seu próprio lugar, e se acostumam com reclamações e frustrações, mas não conseguem ver que não se pode andar sem mover os próprios pés...

Parabéns VoB! Muito bem feito! Eu sinto orgulho de vocês, minhas queridas irmãs, e espero que as pessoas do meu país possam um dia ter este mesmo tipo de atitude, consciência, e visão...


I want to express my admiration and respect for my beloved sisters in Islam who are from VoB, because they are intelligent, expert and know how to do something that I have always wanted to do: GET THE CHANCE! ENJOY AND USE THE OPPORTUNITIES TO YOUR FAVOR.

Three young Indonesian girls created VoB, and they are Muslims, and use the hijab, and this was something that surprised everyone.

They are still very young and yes, the band's sound is energetic, just as their concerts are strong and capable of engaging people who are watching the band. As a musician, I realize that they still have a lot to develop in terms of musical knowledge and that is true, but notice the band's bass player. She already shows a lot of talent in her musical instrument. Feel the drummer's strong rhythm and note that the guitarist and vocalist is developing very well!

However, something happened to them. Something that is nothing to do with MUSIC. The fact is that people looked at them not because of their music, but because they are Muslim, and wear an Islamic veil! This makes them seen as something exotic, different, transgressor and mysterious. This makes them almost seen as a "circus attraction"! Is it fair, right, conscious? No but, honestly, SO WHAT? Does it really matter?

I think this doesn’t really matter. What matters is what they did with it! What really matters is their response to this fact, a fact somewhat strange, and totally alienated from what the band did: their music!

That is exactly what happens to me too, and their response to this attention that people gave them is exactly the answer I would like to give! People looked at them because of the veil, their religion, maybe their attitude, and they took the chance, the opportunity, and showed them their work. They showed what they came for!

They saw people look at them because they are three Muslim girls who wear the Islamic veil and play rock, and then they really played, they went up on stage, they released their videos, their music, and they made the people who looked for them to know their work.

This is the way to victory, to success! They have done their part, they have answered in the right way, and they are winning the world through it.

It is interesting to note that VoB was released in 2015 in Indonesia. It is very constructive for us to observe what makes the difference between the ability to see opportunities and take advantage of them, which demonstrates awareness and intelligence, and the lack of capacity to have a broad vision, and to do things, to do your part , and do well done.

This could include various social aspects, and could show us what distinguishes a people who do, that people who can’t do anything. People who realize, who build something, who go forward, toward the future and the conquest, of people who can’t overcome because they don’t move from their own place, and get accustomed to complaints and frustrations, but cannot see that you can’t walk without moving your own feet ...

Congratulations VoB! Well done! I am proud of you, my dear sisters, and I hope that the people of my country may one day have this same kind of attitude, conscience, and vision...

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Intellectual involution of the XXI century

Nowadays, some countries around the Earth are ...

Hoje em dia, alguns países ao redor da Terra estão...

Meanwhile, Brazil is ...

Enquanto isto, o Brasil está...


As mankind is intellectually involuted, nothing more fitting to these sad times than the Islamic State, which is not a State, and is not Islamic either ... but it is certainly satanic, and funded by one of the most satanic families in the world today , the one that was artificially placed in power there on the sides of the Arabian peninsula, you know? 😈

Como a Humanidade está intelectualmente involuída, nada mais apropriado para estes tristes tempos do que o Estado Islâmico, que não é um Estado, e nunca foi Islâmico... mas certamente é satânico, e financiado por uma das mais satânicas famílias do Mundo hoje, aquela que foi artificialmente colocada no poder lá para os lados da Península Arábica, sabe? 😈


This is the sad situation of the beginning of this XXI century, a century in which, even without having invented the TIME MACHINE, Humanity was able to intellectually return to the past ...

Esta é a triste situação do começo deste século XXI, um século em que, mesmo sem ter inventado a MÁQUINA DO TEMPO, a Humanidade foi capaz de intelectualmente voltar ao passado...

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Some questions and reflections on all this madness of our time

Porque as pessoas que levantam bandeiras de idéias libertárias são geralmente as mesmas pessoas que acham que têm o direito de julgar outras pessoas, dando assim origem ao PRECONCEITO?

Porque muitas pessoas que reclamam por serem vítimas de preconceito, seja ela por causa de sua etnia, ou religião, ou escolhas pessoais, também revelam preconceito em relação a outras pessoas?

Eu não estou escrevendo sobre o triste episódio que aconteceu em Charlottesville, nos Estados Unidos, nesta semana.

Eu estou escrevendo sobre o mundo, sobre as pessoas em todos os lugares, sobre este momento que vivemos.

Eu também não estou escrevendo sobre a Direita ou a Esquerda política, sabe? Eu acho que esta coisa política de Direita ou Esquerda é simplesmente um dinossauro que já morreu e se recusa a deitar no chão, algo pré-histórico e totalmente ultrapassado.

Estes são tempos difíceis e reacionários. Mas eu não perco a minha esperança, porque eu sei que nada pode deter a marcha da evolução da vida, e da evolução da humanidade e deste planeta.

O radicalismo, a brutalidade, e a explosão de idéias racistas, violentas, agressivas, e idéias baseadas em preconceito, tudo isto nada mais é do que um modelo social arcaico e agonizante, que dá os seus últimos gritos horríveis de protesto perante a morte iminente.

Mas, mesmo assim, percebam que este grito agonizante contamina tudo ao seu redor, e é desalentador ver tantas pessoas jovens contaminadas por estas idéias obscuras e ultrapassadas, jovens de idade, porém velhas em seus pensamentos e comportamentos.

E é triste ver algumas destas pessoas que se perdem em sua própria contradição de idéias, que levantam bandeiras libertárias e avançadas, mas praticam exatamente aquilo contra o qual protestam e reclamam.


Why are people who raise flags of libertarian ideas generally the same people who think they have the right to judge other people, thus giving rise to PRECONCEPT?

Why do many people who complain about being victims of prejudice, be it because of their ethnicity, religion, or personal choices, also reveal prejudice against other people?

I'm not writing about the sad episode that happened in Charlottesville, United States, this week.

I'm writing about the world, about people everywhere, about this moment that we live.

I'm not writing about the Right or the Left, either, you know? I think this political Right or Left thing is simply a dinosaur that has already died and refuses to lie on the ground, something prehistoric and totally outdated.

These are difficult and reactionary times. But I don't lose my hope, because I know that nothing can stop the march of the evolution of life, and the evolution of Mankind and this planet.

Radicalism, brutality, and the explosion of racist, violent, aggressive ideas and ideas based on prejudice are all nothing more than an archaic and agonizing social model that gives its last horrible shouts of protest at the impending death .

But even so, realize that this agonizing cry contaminates everything around you, and it's sad to see so many young people contaminated by these obscure and outdated ideas, young people but old in their thoughts and behaviors.

And it's sad to see some of these people who get lost in their own contradiction of ideas, who raise libertarian and advanced flags, but practice exactly what they protest and complain about.

De qualquer forma, eu realmente fiquei triste com toda esta loucura que aconteceu em Charlottesville. 😢

Anyway, I really was saddened by all this madness that happened in Charlottesville. 😢